Saiba a importância de cuidar da saúde ocular dos animais

Dia do Oftalmologista

Você sabe observar os sinais que seu animal dá e consegue identificar o momento de levá-lo ao oftalmologista? Levar o seu melhor amigo a um especialista é importante para preservar a saúde da visão, evitando que doenças se agravem.

Para te ajudar, o CRMV-RJ preparou uma entrevista com o médico veterinário e especialista em oftalmologia veterinária, Jorge da Silva Pereira.

Confira:

  • Quais são os sinais que os animais apresentam em que o tutor precisa levá-lo a um oftalmologista veterinário?

Sinais mais frequentes que podem significar problemas são vermelhidão, excesso de secreção aquosa, mucosa ou muco-purulenta, blefaroespasmo (piscar exacerbado) ou ainda sinais de perda de acuidade visual.

  • – Quais são os principais problemas oftalmológicos apresentados pelos animais?

Conjuntivites, inflamações intraoculares (uveíte), glaucoma, catarata. Alguns de resolução clinica e outros que apenas podem ser resolvidos através de cirurgias.

  • – Como prevenir essas doenças?

A melhor prevenção é a avaliação antes de colocar padreadores em procriação. Animais, em geral, devem ser examinados anualmente ou, se apresentarem algum evento hereditário, em intervalos menores.

  • – Tem raças de determinadas espécies que inspiram maiores cuidados oculares?

Sim, todas as raças que apresentam focinho curto são dadas a glaucoma, catarata e descolamentos de retina. De forma mais frequente, ressecamento ocular e conjuntivites pigmentares.

Jorge da Silva Pereira

Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal Fluminense (1981) e mestrado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (2004). Pós Graduação no Caspary Research Institute, NY 1990, e em Harbour UCLA, LA, 1996. Atualmente é diretor da Clinica Animal, consultor no serviço de oftalmologia da Clínica Veterinária Black Tie e diretor do Centro de Estudos Pesquisa e Oftalmologia CEPOV-RIO.

Tem experiência na área de Medicina Veterinária, com ênfase em Clínica e Microcirurgia Oftálmica Animal, atuando principalmente nos seguintes temas: Catarata, Glaucoma, Microcirurgia Oftálmica, Farmacologia Ocular, Laser em Cirurgias Oftálmicas, Investigação clínica e cirúrgica para a cura das Ceratopatias Pigmentares Superficiais Crônicas em Cães – Pioneiro na América Latina na técnica de Facoemulsificação e Implantes intra-oculares.

Doutorando na Universidade Federal do Paraná sob a orientação do Prof. Dr. Fabiano Montiani Ferreira. (Egresso em 2014 sem conclusão). DVSc em Ciências Veterinárias – doutorando – UFRRJ sob orientação do Prof Carlos Wilson Gomes Lopes. Empossado como membro da Academia de Medicina Veterinária do Estado do Rio de Janeiro, 2016. Vice Presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária CRMVRJ, gestão 2017-2020. Presidente eleito do Colégio Latino americano de Oftalmologistas Veterinários CLOVE e Presidente em exercício do Colégio Latino Americano de Oftalmologistas Veterinários CLOVE 2017-2019. Diplomado pelo Colégio Latino Americano de Oftalmologistas Veterinários – CBOV, do qual foi presidente por duas gestões e pelo Colégio Latino Americano de Oftalmologistas Veterinários – CLOVE, do qual é atual Presidente 2017-2019. Membro da American Society of Veterinary Ophthalmology e da International Society of Veterinary Ophthalmology.

Scroll to Top